Just Wright | Opinião Filmes

Poster-filme-Just-Wright

Dados Técnicos:
Título original: Just Wright
Diretor: Sanaa Hamri
País: EUA
Ano: 2010
Género: Comédia, Romance, Desporto
Elenco: Queen Latifah, Common, Paula Patton, James Pickens Jr., Phylicia Rashad, Pam Grier, Laz Alonso, Mehcad Brooks, Michael Landes, Dwight Howard, Dwyane Wade
IMDb: https://www.imdb.com/title/tt1407061/

Sinopse:
Uma fisioterapeuta com bom coração tem dificuldade em encontrar o amor, até que um dia conhece um jogador profissional de basquetebol lesionado. (Fonte: Netflix)

Opinião:

De vez em quando sabe bem assistir a uma comédia romântica daquelas bem fofinhas e divertidas como Just Wright com Queen Latifah e Common como casal de protagonistas. Uma comédia romântica com todos os ingredientes na dose certa.

Cena-filme-Just-Wright
Leslie é convidada para o aniversário de Scott e leva a prima Morgan.

A história gira à volta de Leslie uma fisioterapeuta com um grande coração, mas com azar no amor. Após mais um encontro que se revelou um fracasso, ela conhece pessoalmente o seu ídolo, Scott McKnight, um basquetebolista famoso da NBA que acaba por a convidar para a sua festa de aniversário. É aqui que as coisas se complicam, porque acho que se ela tivesse ido sozinha à festa, em vez de levar consigo a interesseira da prima que se aproveitou das informações que Leslie lhe forneceu sobre Scott, as coisas podiam ter sido bem diferentes, mas não, ela leva Morgan que se aproveita da situação para conquistar Scott com a sua dissimulação, agora o modo como ele caiu facilmente na teia dela não percebo, afinal ele é uma estrela da NBA que supostamente tem as mulheres todas as seus pés.

Cena-filme-Just-Wright
Momento no qual Scott é enfeitiçado por Morgan para desgosto de Leslie.

Scott e Morgan ficam noivos em tempo record. No entanto, após uma lesão bastante grave que ocorre logo de seguida, Scott tem que lidar com uma recuperação bastante lenta, dolorosa e incerta. Morgan pede a Leslie que ajude Scott, visto que ela é uma boa fisioterapeuta, mas acaba por abandoná-lo sem dizer uma palavra à prima. Mas Leslie não desiste de Scott e está com ele ao longo de todo o caminho de recuperação. À medida que o casal vai convivendo diariamente e descobre ter imensas coisas em comum, a sua relação vai-se aprofundando até que se apaixonam um pelo outro. Todavia, quando Scott está 100% recuperado surge Morgan... E Leslie vai embora. E agora? Será que Scott vai cair em si e descobrir que Morgan não é a mulher que ele pensa e Leslie é a mulher que ele precisa? Vamos ver.

Cena-filme-Just-Wright
Scott McKnight em ação.

Queen Latifah é Leslie e, como sempre, ela consegue fazer passar os sentimentos da personagem, tornando-a real e admirável. Leslie é uma mulher batalhadora com uma grande carreira que não abdica nunca dos seus ideais em prol de interesses, ao contrário da prima, cujo sonho é casar com um jogador da NBA que a sustente.

Common-filme-Just-Wright
Common interpreta Scott McKnight, um brilhante jogador da NBA.

Common é Scott McKnight, um brilhante jogador de basquetebol que praticamente tem levado a sua equipa às costas ao longo da temporada. Contudo, uma grave lesão afasta-o do campo e o coloca num profundo estado de melancolia, um estado do qual apenas Leslie o consegue resgatar. Mas até que ele veja que a mulher da sua vida está mesmo ali vai ser preciso correr muita tinta... Paula Patton também está ótima no papel da irritante Morgan Alexander que não é propriamente uma vilã devido ao seu jeito engraçado e atitudes excêntricas.

A banda sonora do filme está muito boa ou não fosse cantada por Queen Latifah e Common, dois premiados rapers.

Queen-Latifah-e-Common-filme-Just-Wright
Queen Latifah e Common são casal romântico de Just Wright.

O melhor: A química entre Queen Latifah e Common.

O menos bom: O enredo acaba por se arrastar um pouco, mas nada que tire a magia ao filme.

2 comentários:

  1. Não conhecia ainda
    Vou querer ver esse. Gosto do tipo de filme, de vez em quando sabe bem assim qualquer coisa mais leve e divertida.
    Obrigada
    Beijinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também descobri este filme por acaso na Netflix e já é de 2010. Eu adoro este tipo de filmes, garantem sempre um bom entretenimento mesmo que a história não seja muito complexa.
      Beijinho

      Eliminar

O seu comentário é muito importante para mim. Sinta-se livre de expressar as suas opiniões, ideias ou simplesmente desabafos. Prometo responder sempre que possível.
Muito obrigada pela sua visita!

My Instagram